sexta-feira, 9 de outubro de 2009

O casamento

Existem coisas que talvez a gente não deva colocar num veiculo tão rápido e de tanta exposição como a Internet, porém acho que não vou falar nada que denigra a imagem de alguém, só vou comentar mesmo o que sinto com a proximidade do casamento de meu filho. Em menos de um mês ele estará se casando, e a minha sensação confesso a vocês não é das melhores, sinto um medo uma certa angustia , um aperto n coração, vejo e ouço coisas que me entristecem muito, mas penso também que ambos se escolheram, ambos tiveram tempo suficiente para se conhecerem e ambos decidiram se unirem. Espero que eles tenham discernimento bastante para cederem na hora certa e serem firmes em outras, pois o respeito tem que andar ali, juntinho com o amor, a confiança e com uma boa dose de humor e ternura. Que Deus nosso pai todo Poderoso, olhe por esse casal, pois a única coisa que nossos corações pedem é que sejam felizes. Penso que Deus faz o que pode e eles tem o livre arbítrio para fazerem o resto. Amo vocês meninos.

Um comentário:

Izabel disse...

Helelele, pensa que é fácil, não biscoitinha. deves estar sentindo assim: não posso falar, mas é especie de uma perda, afinal alguém do mesmo sexo está levando algo muito precioso e voce não pode fazer nada, tem que deixar ir. Já senti isso, e assim a vida continua...beijos