quarta-feira, 11 de março de 2009

Anjos da noite

Ela tinha ido fazer um trabalho extra em outra Editora, pouco tempo depois ligou para sua mãe pedindo que fosse busca-la, pois não estava se sentindo bem. A mãe saíra feito uma doida pois essa menina raramente pedia socorro (fora, que mãe é neurótica!) mas é essa a moçoila que está em tratamento por uma doença recorrente, deixando todos em casa meio apreensivos.
A mãe chegando encontrou a menina conversando com um rapaz dentro de uma pizzaria, resgatada, contou que, saíra do trabalho sentindo-se muito mal e, como que brotando do nada apareceram três moços que correram acudi-la, já com agua na mão, limpando os óculos dela e até mesmo seu tenis, eles limparam (ela havia feito uma lambança jogando fora todo seu almoço.) Descobriu depois que um dos meninos era o entregador de pizza o outro o guardador dos carros da rua e terceiro por certo um amigo dos outros dois. O que nos faz acreditar que sempre há anjos e que Deus nunca desampara os seus.

3 comentários:

Izabel disse...

Sabe No! são pessoas assim que nos faz acreditar que nós não estamos perdidos, pois se somos caridosos, confiáveis com certeza nós atraímos pessoas assim tb. Quanto ao jogar fora o almoço, acho que voce será vovó hehehe é maravilhoso ser vovó. um bjs pela ex-mortadelinha, agora ervas finas no patê e a bananinha tb. te amovou tb contar algo que aconteceu aqui que faz a diferença

Noemi Szcypula disse...

Gostaria muito de ser avó, mas além de ela jogar o almoço fora , teve uma febre altissima, coisa que nos assustou pois o médico questionou se não era uma inflamação nas valvulas cardiacas. por conta da febre reumática. Graças a Deus não era. bj.

Rê, Nani ou Regiane disse...

oieeeeee...
é verdadeiramente esplêndido saber q Deus usa-nos para cuidar dos outros e usa outros para cuidar de nós!!
tb queria ser 'titia' de novo, mas qndo sugeri isso à Déia: ela me mandou... hehe
beijoquitas