sábado, 29 de agosto de 2009

MENINAS

Minha filha mais nova, pegou um trabalho , que envolvia, provar figurinos e mexer nos cabelos. Como muito sabem a menina está saindo de um momento difícil por conta da falta dos antidepressivos que estava tomando já havia uns três anos, por esses motivos e também porque sou neurótica, na maioria das vezes eu levo e vou busca-la e neste final de semana euzinha resolvi ficar sentadinha assistindo a tudo, acabei me enturmando inclusive com outra "mamãe" que lá estava, era um bando de lindas meninas todas falantes e graciosas mas...perfeitamente "normais", com suas angustias, seus anseios como qualquer um de nós. Entre elas estavam duas meninas de quinze anos. Que coisas preciosas! além de bonitas, eram generosas, meigas e bricalhonas; Minha filha do alto de seus 24 anos achou que era a mãe das garotas. Inclusive mais duas garotas tem problemas respirátorios, foi engraçado porque no meio da balburdia uma dela veio correndo: "Ai Meu Deus! to com alergia e meu remédio não está aqui!" estava. Que bom. Minha filha teve um breve momento de pânico por conta da química nos cabelos, foi prontamente socorrida pelo bando de garotas por mim e pela dona Salão que nos contou que ela é perita em desmaiar," escreveu não leu lá to eu no chão".
Gente foram duas tarde divertidas e podem crer, de vida glamourosa essa meninas não tem nada, são trabalhadoras normais correndo atrás seus sonhos e objetivos e muitas vezes tratadas com com total desprezo, não raros as pessoas pensam que elas estão ali para outras coisas e as chamam pejorativamente de "modelos".

Um comentário:

Izabel disse...

Sua bruaca, está com preguiça é.